tecnologias utilizadas

Renuvion

O Renuvion é uma tecnologia de plasma combinado à radiofrequência aplicada ao final da Lipo HD para causar retração do tecido, no plano da pele e subcutâneo. Já é considerado um dos maiores avanços tecnológicos em cirurgia plástica nos últimos 20 anos, porque trata muito bem a pele flácida com pouquíssimos traumas ao corpo.

Por conta do aparelho ser muito novo no mundo, poucos cirurgiões plásticos utilizam a tecnologia no Brasil. Mesmo assim, se trata de um avanço enorme, porque resulta em até 80% de retração da pele flácida. Isso não era possível antigamente e, para esses casos, era necessário associar a Lipo HD a uma abdominoplastia.

Além disso, o efeito da contração do tecido é perceptível imediatamente após o procedimento, e o resultado ainda continua a melhorar durante o tempo de recuperação do corpo.

– Como o Renuvion funciona?

A aplicação do Renuvion é feita ao final da lipoaspiração, quando o handpiece (consumível descartável) é introduzido e posicionado logo abaixo da pele, na subderme. A seguir, ele é acionado, havendo liberação de gás hélio e radiofrequência para criar um fluxo preciso de energia – que é o plasma.

Assim, o aparelho produz calor suficiente para alcançar temperaturas superiores a 85º C nos septos do subcutâneo, e 42º C na pele. Por outro lado, ao mesmo tempo em que gera calor suficiente para contrair a pele, o excesso de gás hélio resfria a área de tratamento.

É essa combinação de energia que contrai os tecidos logo abaixo da pele, o que faz tensionar e retrair, além de derreter a gordura remanescente nas células.

Segurança

Além dos benefícios citados, a tecnologia Renuvion também tem papel importantíssimo na segurança dos pacientes. Ela traz um pós-operatório mais suave e menos doloroso, retorno mais rápido às atividades do dia a dia, diminuição na ocorrência de irregularidades, além da própria segurança no momento da execução do procedimento.

Indicação

O Renuvion consegue tratar bem a flacidez de pele no abdômen que fica após a gravidez, e também pode ser usado em casos de pessoas que já tiraram a gordura localizada em uma lipoaspiração prévia, mas teve sobra de um pouco de pele flácida.

Contudo, é preciso esperar, no mínimo, seis meses após o último procedimento para poder passar por outra cirurgia. Lembrando que a Lipo HD e o Renuvion normalmente são realizados juntos, então é necessário avaliar de forma particular cada caso e indicar a melhor conduta médica

Vibrolipoaspiração

A vibrolipoaspiração é um procedimento consagrado para o tratamento do contorno corporal. A técnica de lipoaspiração atual se iniciou em 1980, quando o cirurgião francês Dr. Yves Gerard Iliouz deu grande contribuição para a técnica moderna.

Foram desenvolvidas cânulas de lipoaspiração rombas, assim injetando solução salina no tecido gorduroso a ser aspirado, tornando a cirurgia de lipoaspiração muito mais segura e eficaz. A partir daí, diversas modificações e melhorias técnicas foram acrescentadas. Hoje, a técnica de Vibrolipoaspiração pode ser considerada uma cirurgia moderna, segura e, quando bem indicada e realizada, proporciona resultados incomparáveis.

A técnica
Para essa cirurgia é utilizado um aparelho que realiza movimentos helicoidais com as cânulas de lipoaspiração e tem as seguintes vantagens:

Permite movimentos mais suaves e menor agressão aos tecidos;
Utilização de cânulas mais finas e menos agressivas;
Aumenta a eficiência na retirada da gordura;
Diminuição do tempo cirúrgico;
Menor edema e equimoses;
Uma recuperação mais rápida e confortável.

Indicação
A vibrolipoaspiração é indicada para pessoas que apresentam gordura localizada, com alteração estética do contorno corporal. Muitas pacientes apresentam sobrepeso, mas o procedimento não deve ser visto como forma de emagrecimento. Pode ser associada com cirurgias plásticas de abdominal, coxoplastias, braquioplastias e mamoplastias.

Lipoescultura
A gordura aspirada pode ser aproveitada como enxerto, ou seja, injetada novamente em uma área específica de forma a proporcionar aumento do local. O tecido gorduroso injetado torna-se parte desta nova região, preenchendo defeitos ou mesmo promovendo aumento dos tecidos, como nos casos de lipoescultura glútea para aumento das nádegas.

Utilizamos um frasco estéril descartável para a coleta da gordura, e injetamos essa gordura de volta pelo próprio aparelho de vibrolipoaspiração. Por conta desse sistema não temos contato da gordura com o ar, aumentando a sua pega local e diminuindo qualquer risco de infecção.

Fio Farpado

A última modernidade na sutura cirúrgica são os fios farpados, esse fio especial importado é utilizado em todas as cirurgias de mama e abdome pois fornecem mais segurança e agilidade na sua cirurgia.

Como esses fios tem milhares de pequenas “farpas” em sua linha, eles prendem em todas as regiões que passam, dividindo a tensão por igual e sustentando a região com muito mais força.

Essa sutura especial é utilizada para confeccionar o sutiã interno nas cirurgias de mama e para fechar a diástase abdominal nas abdominoplastias. Isso significa um resultado definitivo e seguro com uma recuperação mais rápida!

Cola Cirurgica

Temos como objetivo as menores e mais delicadas cicatrizes possíveis. Para chegarmos a esse objetivo quase não utilizamos pontos na pele. Todos os pontos são internos e na pele temos somente a cola cirúrgica, que irá proteger essa ferida e impermeabilizar ela por 3-4 semanas. No momento que essa cola é retirada, a cicatriz já está completamente fechada. Isso traz muito mais facilidade e segurança para o seu pós-operatório.

Nós ajudamos a realizar os seus sonhos!

Converse com profissionais habilitados e experientes, encontre as melhores soluções para o seu caso com bastante carinho e cuidado!

Qual procedimento indicado para você?

Participe do nosso teste e descubra qual é o procedimento estético indicado para você!

Abrir chat
Precisa de ajuda?